Açúcar: Influência cambial

Os contratos futuros do açúcar negociados no mercado americano registraram ontem a maior queda em duas semanas, em resposta direta à valorização do dólar, que diminuiu a atratividade pelas commodities comercializadas na moeda americana. “O dólar mais alto está pressionando o açúcar”, disse à Bloomberg Alexandre Oliveira, broker da Newedge USA LLC. “O petróleo recuou e as demais commodities o acompanharam”.

Na bolsa de Nova York, os contratos com vencimento em março caíram 19 pontos, fechando a 11,61 centavos de dólar por libra-peso e acumulando perdas de 3,3% na semana. Já no mercado doméstico, a saca de 50 quilos ficou em R$ 30,76, alta de 0,39%, segundo o Cepea/Esalq. Por aqui, a queda já é de 0,52 % na semana.

X