Açúcar em NY opera com leve queda

Traders disseram que a perspectiva de uma grande safra de cana-de-açúcar no Brasil em meados deste ano acrescentava sentimento baixista aos fundamentos

Londres – Os futuros do açúcar bruto na ICE Futures, de Nova York, se recuperaram, mas ainda operavam em leve baixa nesta quarta-feira, depois de caírem ao menor preço em mais de dois anos mais cedo no pregão, com o excesso de oferta mantendo o mercado na defensiva.

O contrato março era negociado a 18,08 centavos de dólar por libra-peso por volta das 9h55 (horário de Brasília), em baixa de 0,04 por cento ante o fechamento anterior, depois de ter atingido a mínima de 18,06 centavos, o menor patamar para um primeiro contrato desde agosto de 2010.

Traders disseram que a perspectiva de uma grande safra de cana-de-açúcar no Brasil em meados deste ano acrescentava sentimento baixista aos fundamentos de um mercado que já tem dificuldades para absorver um substancial excedente global da safra 2012/13.

A entidade que reúne as usinas de cana brasileiras disse na terça-feira que projeta esmagamento de 585 milhões de toneladas na safra da região centro-sul do país em 2013/14.

X