3 decisões da São Martinho e da Petrobras sobre a Nova Fronteira

novaDonos da maioria do capital social da Nova Fronteira Bioenergia S. A., o grupo sucroenergético São Martinho S. A. e a Petrobras Biocombustível (PBio) tomaram recentemente decisões sobre a gestão da empresa. A Nova Fronteira controla a usina Boa Vista, localizada em Quirinópolis (GO).

Leia mais: Usina tem sinal verde para ampliar a moagem em 2,5 milhões de toneladas

Qual será o desempenho financeiro da Usina São Martinho?

O Portal JornalCana divulga a baixo 5 decisões dos acionistas da Nova Fronteira:

1 – Eles aprovaram o orçamento da companhia sucroenergética para o período de 1º/04/2016 a 31/03/2017

2 – Aprovaram o Contrato de Compartilhamento de Custos e Despesas entre a Companhia e a São Martinho S.A. para o período de 1º/04/2016 a 31/03/2017 nos termos da proposta apresentada pela administração

Boa Vista, uma das usinas de cana da qual a PBio é sócia
Boa Vista, uma das usinas de cana da qual a PBio é sócia

3 – Foi aprovada a lavratura da ata a que se refere [a assembleia dos acionistas] em forma de sumário, bem como a sua publicação com a omissão das assinaturas dos acionistas presentes, nos termos do artigo 130 e parágrafos da Lei nº 6.404/76

 

 

X